Exageros de fim de ano

Chega o fim de ano, as festas e as mesas fartas de delícias. Não dá pra resistir, né?

A questão é que com tantas opções à disposição, facilmente podemos acabar passando do limite.

 Parece bobagem, mas atitudes imoderadas podem ser bastante prejudiciais e as complicações podem ocorrer de forma instantânea. O coração pode ser o órgão mais afetado. Segundo pesquisas, no fim de ano, com o acúmulo de contas, afazeres e pensamentos relativos a mudança de ano, os brasileiros têm um índice muito elevado de stress, o que acaba agravando a situação.

 Além disso, a própria estação em que ocorrem as festas, o verão, e o calor da estação, somado a essa comilança é mais propenso à desidratação, queda de pressão arterial e até mesmo desmaio. Por isso, é importante estar bem hidratado, sempre, consumindo pelo menos 2 litros de água por dia. Esse é o “segredo” para que o bem estar não seja muito comprometido e, se for beber, busque aumentar esta ingestão de água, pois o álcool acaba causando desidratação e ocasionando fortes mal estares. Também procure evitar alimentos muito pesados, que dificultem a digestão e podem comprometer a saúde de seu organismo.  

 Para manter o clima positivo, procure manter alimentação equilibrada, pratique exercícios físicos e evite ao máximo o stress, sendo uma boa forma para isso, evitar de deixar tudo para a última hora. Com relação a quantidade no consumo de alimentos, prefira as aves, lombo suíno magro, frutas, sucos e saladas.

Se você acabar exagerando, não é uma boa alternativa tentar compensar com dietas muito restritivas, o que pode agravar a situação. Inclua mais fibras nas principais refeições, pois há uma contribuição para que o organismo receba mais eficientemente o alerta de saciedade e o esvaziamento gástrico possa ocorrer mais lentamente.



Ramon Tadeu e Globo News

(47) 3222-3344 Seg. à Sex. das 07hs às 18:30hs
Sábado somente com horário marcado
Entrega de resultado: Seg. à Sex das 08hs às 18hs
Sobreaviso 24 horas - (47) 3036-6000
LocalizaçãoClique e veja no mapa